TCU multa presidente do Sesc-AM em R$ 30 mil

O Tribunal de Contas da União (TCU) decidiu multar o presidente do Sesc e da Fecomércio do Amazonas, José Roberto Tadros, em R$ 30 mil.

A informação foi divulgada pelo site O Antagonista, na sexta-feira (27).

De acordo com as informações divulgadas, Tadros mandou criar uma vaga no Sebrae para acomodar o filhão David José Nóvoa Tadros. Não bastasse o nepotismo em si, o rapaz foi acusado pela área técnica do tribunal de quase não aparecer para trabalhar.

Em um ano, ele “não cumpriu sequer 44% da jornada”. Para justificar sua ausência, apresentou 131 atestados e chegou a ser dispensado da folha de ponto. Os auditores do TCU, porém, descobriram que David estava cumprindo expediente na Câmara Municipal de Manaus CMM, onde “exerce outra função comissionada”.

Leia a matéria completa em O Antagonista clicando Aqui.

 

 



Categorias:Economia

Tags:, ,

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: