Bolsonaro sobe para 31%, mas vantagem sobre Haddad cai 7 pontos, diz pesquisa

A coleta de dados foi feita entre os dias 23 e 25 de setembro.

Por InfoMoney

SÃO PAULO – A menos de duas semanas do primeiro turno, o deputado Jair Bolsonaro (PSL) e o ex-prefeito paulistano Fernando Haddad (PT) voltaram a crescer na corrida presidencial, em um cenário que indica crescentes chances de os dois se enfrentarem no segundo turno.

Segundo levantamento feito pelo Instituto Paraná Pesquisas, por encomenda da Empiricus Research, entre os dias 23 e 25 de setembro, o parlamentar chegou a 31,2% das intenções de voto, ante 26,6% registrados duas semanas atrás.

Já o petista foi de 8,3% para 20,2% no período, confirmando a rápida herança de votos do lulismo e reduzindo de 18,3 p.p. para 11 p.p. a distância para o líder na corrida. A margem de erro máxima da pesquisa é de 2 pontos percentuais para cima ou para baixo.

Com o crescimento observado nesta pesquisa, Bolsonaro e Haddad abrem distância ainda maior sobre outros presidenciáveis.

Em outro pelotão, aparecem o ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT), com 10,1%, ante 11,9% registrados na semana anterior, e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB), que foi de 8,7% para 7,6%.

Os movimentos se deram dentro da margem de erro. Ciro e Alckmin estão tecnicamente
empatados e são seguidos pela ex-senadora Marina Silva (Rede), que caiu de 10,6% para
4,3%. A candidata está em situação de empate técnico com Alckmin.

Leia a matéria completa no InfoMoney

pesquisa 26 de setembro 2018.png



Categorias:Eleições - 2018

Tags:, , ,

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: