Em Manaus, Rodrigo Maia ganhou apoio de deputados e “chá de cadeira” do governador

A visita do presidente da Câmara durou apenas três horas.

Por Asafe Augusto

Manaus – O candidato à reeleição para a presidência da Câmara dos Deputado, Rodrigo Maia (DEM-RJ) levou um “chá de cadeira” do governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), na tarde de hoje (24).

Maia teve uma reunião de cerca de uma hora com seis, dos oito deputados federais do Amazonas, para pedir apoio na eleição da Mesa Diretora da Câmara, e depois deveria se encontrar na Sede do Governo, no bairro Compensa, com o governador.

Após quase uma hora de espera o presidente da Câmara decidiu seguir para o Aeroporto Internacional de Manaus, Eduardo Gomes, e embarcar em um jatinho particular, acompanhado do deputado federal Pablo Oliva (PSL).

O próprio deputado relatou a espera e disse que preferiu adiantar o embarque.

Sobre a disputa da presidência da Câmara o deputado disse que espera contar com o apoio de todos os parlamentares do Amazonas. Participaram da reunião Alberto Neto (PRB), Pablo Olíva (PSL), Silas Câmara (PRB), Sidney Leitte (PSD), Marcelo Ramos (PR) e Bosco Saraiva (SD). Não compareceram José Ricardo (PT) e Átila Lins (PP).

“Eu gostaria de não ter pedido o apoio, e que todos já dissessem (risos). Eles queriam primeiro me ouvir, sobre meus compromissos com o Estado do Amazonas e Zona Franca. Eu reafirmei que, historicamente, tenho defendido os interesses da região e vou continuar defendendo como deputado do Rio de Janeiro, e do Brasil”, afirmou.

Anúncios


Categorias:Política

Tags:, , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: