Secretários têm até sexta-feira para apresentar plano de cortes de gastos

A orientação é que os gestores “apertem o cinto” e a meta, segundo o governo do Amazonas, é avançar na redução de despesas de custeio, o que incluirá a revisão de contratos.


Da redação


Manaus – Os secretários de Estado têm até sexta-feira (2) para apresentar um novo plano de corte de gastos, mas que não comprometam os serviços públicos. A informação foi divulgada pela assessoria do governo, após reunião do governador Wilson Lima (PSC) com os gestores das pastas, que aconteceu na última sexta-feira (26).

A orientação é que os gestores “apertem o cinto” e a meta, segundo o governo, é avançar na redução de despesas de custeio, o que incluirá a revisão de contratos com “gorduras” ainda passíveis de corte. “Não quero redução de serviços para a população, quero redução de custos”, frisou Wilson Lima, ao alertar que a situação é crítica. “Vejam a situação do Governo Federal, que fez cortes em muitas áreas para não quebrar. O mesmo acontece em todos os estados e a situação no Amazonas não é diferente”, completou.

“O que fizemos até aqui não será suficiente”, afirmou o governador Wilson Lima, referindo-se a medidas como o Decreto da Qualidade do Gasto, que obrigou redução de despesas como passagens, diárias, combustíveis e eventos, entre outras; e a aprovação do pacote de medidas do Governo pela Assembleia Legislativa, que desvincula receitas para melhor aplicação e condiciona reajustes do funcionalismo à retomada do percentual de gastos com pessoal permitido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

O percentual hoje está em 53% da receita corrente líquida do Estado. Quando a atual gestão assumiu já superava 49% e o permitido pela LRF é de 46,55%.

Com informações da assessoria.



Categorias:Política

Tags:, ,

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: