Arthur Neto inaugura parada de ônibus de R$ 207 mil, na Ponta Negra

A construção do novo ponto de ônibus foi questionada pelos usuários do transporte coletivo.


Por Asafe Augusto


Manaus – Após grande polêmica e explicações confusas, o prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB) inaugurou, na Ponta Negra, a nova para de ônibus que custou mais de R$ 207 mil aos cofres públicos da cidade.

Arthur tentou defender o alto custo da parada dizendo que ela tem um padrão moderno e soluções arquitetônicas especiais, para minimizar a sensação térmica e proporcionar mais conforto aos passageiros.

“A Ponta Negra é uma obra a ser aperfeiçoada sempre, a gente sempre vai ter o que fazer para melhorar o atendimento às pessoas. Não queríamos uma simples parada, queríamos uma estação de ônibus com o nível do Complexo Turístico Ponta Negra”, disse Arthur que dessa vez não repetiu as frases ditas em rede nacional.

“Frescura custa caro”, disse ele ao se referir aos itens que foram usados na obra de construção do que ele quer que seja chamada de “estação de embarque e desembarque”.

Apesar das afirmações do prefeito, os internautas ainda criticam nas redes sociais o gasto caríssimo dessa parada.



Categorias:Cidades

Tags:, , , , ,

1 resposta

Trackbacks

  1. Vídeo: parada de R$ 207 mil, na Ponta Negra, não suporta chuva

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: