Processo de impeachment de Wilson e Carlos volta a ter vida na ALEAM

O presidente da Assembleia Legislativa fez a leitura do parecer da Procuradoria da Casa, aceitando o seguimento do processo de afastamento.


Por Asafe Augusto


O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Josué Neto (PRTB), anunciou, na tarde desta terça-feira (7), o seguimento do processo de impeachment do governador Wilson Lima (PSC) e vice-governador Carlos Almeida (PTB).

Josué fez a leitura do parecer da Procuradoria da Casa acatando o prosseguimento do processo, depois de uma reunião, a portas fechadas, de mais de três horas entre os parlamentares.

O processo de afastamento foi ingressado pelo presidente do Sindicato dos Médicos, Mário Viana. No parecer lido em Plenário, a Procuradoria opinou no sentido “de não haver vedação para o prosseguimento dos processos por crime de responsabilidade em face do governador e do vice, conforme decisão do Tribunal de Justiça do Amazonas”.

Esse também era o entendimento inicial da Procuradoria, que informou que o processo de impeachment de Wilson e seu vice está embasado em lei Federal e não no regimento interno da Casa.

Os blocos partidários têm 24 horas para indicar os membros que vão compor a comissão processante. Josué Neto se afastou do assunto afirmando que a partir de agora não pode mais interferir no processo e tudo está nas mãos dos líderes partidários e em seguida da comissão do impeachment.

 



Categorias:Política

Tags:, , , , , ,

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: