Briga entre Josué Neto e base aliada fica inflamada

Josué Neto afirmou que a base aliada é iludida com o governo, mas deputados rebatem.


Por Asafe Augusto


Ao tratar novamente da lei do gás o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Josué Neto (PTB), se exaltou e “mandou” os deputados da base aliada ao governador Wilson Lima (PSC) “tomarem vergonha”.

Josué disse que o governador desrespeita a Casa e faz um Governo de “merda” e os deputados da base são iludidos. “Eles chegam na sede do Governo e entram na porta de Nárnia onde tudo é maravilhoso”, disse o parlamentar. Ele também citou alguns deputados afirmando que eles deveriam votar pelo povo e não pelo Governo.

A vice-presidente da Aleam, deputada Alessandra Campelo (MDB), saiu em defesa dos parlamentares de situação dizendo que não vai aceitar ameaças de Josué.

Alessandra também aproveitou para citar o pai do deputado, o conselheiro do TCE, Josué Filho. “Não fui eleita pelo meu papai e ele não vai me defender em instâncias superiores”, disse Alessandra.

O deputado Cabo Maciel (PL) se pronunciou afirmando que vai revidar ao que ele considerou um ataque de Josué Neto. O deputado Roberto Cidade (PV) também rebateu dizendo que não precisava que ninguém o chame atenção por conta dos seus atos.

Ao pedir a palavra o deputado Belarmino Lins (PP) pediu respeito entre os parlamentares. Ele afirmou que os deputados precisam manter o nível do debate.

Josué voltou a usar a palavra e pediu desculpas afirmando que fez críticas ao governo e não foi um ataque pessoal.



Categorias:Política

Tags:,

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: