Após ser preso pela PF, Melo “ressurge” e diz que tem solução para o Estado

O ex-governador do Amazonas, José Melo (Pros), voltou a aparecer publicamente. Desta vez no programa Valdir Correia “O Garotinho”, na Rádio Difusora, nesta terça-feira, 9/11, declarando que tem a solução para o Amazonas.

Melo será candidato a deputado estadual nas eleições de 2022, ano em que termina a punição imposta a ele pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O ex-governador focou em falar sobre o futuro do Amazonas e as riquezas naturais do Estado ao dizer, “Temos a solução para recuperação do nosso Estado”.

Preso com mandato cassado

José Melo teve o mandato cassado pelo TSE, por compra de votos na eleição de 2014. Ele também foi preso em 2017 pela Polícia Federal na terceira fase da operação Maus Caminhos, que investiga o desvio milionário de recursos da saúde do Amazonas.

Na época da prisão, Melo era suspeito de ser um dos políticos que receberam propina originada de valores desviados do Fundo Estadual de Saúde, para direcionar contratos, liberar pagamentos e acobertar os crimes praticados no sistema de Saúde do Estado.

Os ministros do TSE aceitaram, em setembro deste ano, o pedido do Ministério Público Eleitoral contra Melo e o seu vice da época, Henrique Oliveira, os deixando inelegíveis por oito anos. No entanto, a punição é contada a partir do dia 5 de outubro de 2014. Com isso os dois têm uma brecha para disputar a eleição de 2022.

Deixe uma resposta