Veja quem deve procurar os CRAS para se cadastrar no Auxílio Brasil

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), alerta que, de acordo com a Portaria MC n. 682, do Governo Federal, está suspenso até abril de 2022 o processo de atualização do Cadastro Único, com isso, todas as pessoas que receberam Bolsa Família em outubro/2021 automaticamente irão migrar para o Auxílio Brasil.

Apenas as pessoas que se encaixem no perfil  – renda mensal de meio salário mínimo por pessoa e renda mensal total de até três salários mínimos – que não tenham cadastro, ou as famílias que estão com o Bolsa Família bloqueado devem se dirigir a uma das 20 unidades dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), que irá fazer o agendamento para atendimento.

Além das 20 unidades dos CRAS, a Semasc também está disponibilizando uma subcentral localizada na sede da secretaria (Av. Ayrão, Centro) para atender as demandas da população, dentro de suas capacidades.  Como alternativa para ampliar o atendimento das famílias que não tenham cadastro, a Semasc vai realizar mutirões de atendimento em datas a serem divulgadas pela imprensa e redes sociais da secretaria.

Importante destacar que Manaus tem cerca de 260 mil famílias inseridas no Cadastro Único e que todos os esforços estão sendo empenhados para atender a população.

Confira os endereços e contatos das unidades dos CRAShttps://semasc.manaus.am.gov.br/cras/contato-e-areas-de-abrangencia-dos-cras/

Deixe uma resposta