Na Aleam, Wilson destaca prioridades do Governo para o AM em 2022

O governador Wilson Lima destacou, nesta terça-feira (01/02), as prioridades do Governo do Amazonas para este ano durante entrevista coletiva após a leitura da mensagem governamental que abriu o ano legislativo, no plenário da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam). Ele reafirmou que o combate à fome e o incentivo à manutenção e geração de empregos são as principais metas do Estado em 2022.

Antes, da tribuna, Wilson Lima cumpriu com o protocolo constitucional de prestar contas do ano anterior e destacou as ações nas áreas social, educação, saúde, economia, segurança, esporte e meio ambiente, entre outras.

“Nós temos duas grandes metas para o ano de 2022. Primeiro no social, colocar comida no prato das pessoas que mais precisam. A gente tem uma série de programas, como o Peixe no Prato, os restaurantes populares que nós estamos ampliando na capital e também colocando no interior; e a segunda grande meta é a geração de emprego e renda”, disse.

Em relação à criação de novos postos de trabalho, o governador destacou que as empresas precisam encontrar um ambiente favorável para se mantarem e se instalarem no estado.

“Para isso a gente tem feito uma série de ações. Uma delas é a questão da Lei de Incentivos para as empresas que estão instaladas no Distrito Industrial; e nós estamos criando esse ambiente para que empresas possam vir para o estado do Amazonas. No momento em que elas se instalam aqui é a perspectiva que se abre de geração de emprego e renda para essas famílias”, completou Wilson Lima ao destacar que o estímulo à retomada do crescimento econômico é fundamental para superar os impactos da pandemia da Covid-19.

Como iniciativas do Estado para ampliar a atração de novos investidores, e abrir novos postos de trabalho, estão ainda o novo marco regulatório do gás natural, que já está atraindo investimentos, e a regulamentação da Lei de Serviços Ambientais, que permite o desenvolvimento do marcado de crédito de carbono e vai beneficiar a população do interior que contribui com a conservação ambiental.

O governador destacou, também, que o Estado tem ampliado a presença no interior do estado para melhorar o suporte aos empreendedores, a exemplo da abertura de postos da Junta Comercial do Estado do Amazonas (Jucea) nos municípios. A facilitação de acesso ao crédito é também fundamental, segundo ele, para empreendedores que, juntamente com a formalização dos seus negócios, ampliem suas atividades e abram novos postos de trabalho.

Pela Agência de Fomento do Amazonas (Afeam), exemplificou o governador, o Estado, este ano, disponibilizou R$ 220 milhões para empréstimos para pequenos, médios e grandes empreendedores. Os empréstimos vão desde R$ 2 mil até R$ 1,5 milhão.

O presidente da Aleam, deputado estadual Roberto Cidade, disse que o parlamento pode contribuir muito com as metas prioritárias do Governo do Estado.

“Podemos contribuir com leis que possam desburocratizar essas demandas. Tivemos avanços e com certeza vamos continuar nesse sentido, de destravar vários setores, como destravamos aqui o transporte aquaviário. O Executivo mandou a lei para cá, foi aprovada e, dessa forma, nós conseguimos destravar setores, gerando emprego e renda para o nosso estado do Amazonas”, disse o parlamentar.

 

Fotos: Diego Peres/Secom

Deixe uma resposta