Máscaras não serão mais exigidas em locais abertos a partir do dia 16

O prefeito de Manaus, David Almeida, anunciou, na manhã desta terça-feira, 8/3, que a partir do próximo dia 16 não será mais obrigatória a utilização de máscaras em locais abertos, dependendo do número de casos registrados da Covid-19. A decisão foi tomada após reunião realizada na sede da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), localizada na avenida Maceió, Parque 10 de Novembro, zona Centro-Sul.

“Quatorze dias após o fim do Carnaval, no dia 16, estaremos anunciando o fim da obrigatoriedade da utilização das máscaras em locais abertos, dependendo da evolução epidemiológica da transmissibilidade da Covid-19. Tomamos essa decisão baseados nos dados apresentados pela direção da Semsa e tendo sempre prudência e cautela”, explica o prefeito.

A decisão do gestor municipal também leva em consideração o avanço da campanha de vacinação contra a Covid-19 na capital amazonense. Até o início desta terça-feira, mais de 85% da população vacinável (12 anos ou mais) já haviam completado o ciclo vacinal.

Com relação à população com a primeira dose, 1.781.619 doses já foram aplicadas, incluídas as crianças de 5 a 11 anos.

“Essa decisão vem ao encontro com o que já vem acontecendo no resto do país e nas principais capitais”, informou o prefeito.


Texto – Thiago Fernando / Semcom
Fotos – Dhyeizo Lemos / Arquivo Semcom

Deixe uma resposta