‘Sabadão da Saúde’, da Prefeitura de Manaus, atende mais de 11 mil pessoas em sua primeira edição

Estratégia promovida pela Prefeitura de Manaus com o objetivo de criar horários alternativos e ampliação de acesso aos serviços da atenção primária, o “Sabadão da Saúde”, em sua primeira edição, nesse sábado, 6/8, alcançou a marca de 11.210 atendimentos realizados na capital. A grande ação envolveu mais de 1.500 servidores, que atuaram das 8h às 16h,  em 50 unidades da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), que funcionaram na modalidade porta aberta, sem a necessidade de agendamento.

O público-alvo da ação, formado por usuários diabéticos, hipertensos, mulheres de 25 a 64 anos e gestantes, respondeu por 7.765 atendimentos dos quais destacam-se aferições de pressão arterial (4.446), solicitações de hemoglobina glicada (944), consultas (1.736), pré-natal (139) e coletas de Citopatológico em Mulheres de 24 a 64 anos (500).

O número de crianças menores de 1 ano que receberam o imunizante contra a poliomielite e a vacina pentavalente foi de 85. Os dois imunobiológicos devem ser recebidos pelas crianças aos  2, 4 e 6 meses de vida.

Os demais atendimentos referem-se a consultas médicas, de enfermagem e odontológicas que, juntos, totalizaram 3.360 ações assistenciais.

O titular da Semsa, Djalma Coelho, acompanhou o início dos atendimentos na Unidade Básica de Saúde (UBS) Ajuricaba, no bairro Alvorada, zona Oeste, e assinalou que a ampliação da capacidade dos serviços é um compromisso do prefeito David Almeida e o “Sabadão da Saúde” é uma demonstração deste objetivo, porque facilita a vida da população que pode ter acesso aos atendimentos aos sábados.

“Em todos os sábados do mês de agosto realizaremos esses serviços de forma facilitada. É muito importante destacar que os pontos de vacinação também ofertarão vacinas do calendário infantil para crianças de 0 a 14 anos, para impedir o ressurgimento de doenças que comprometem seriamente o desenvolvimento das crianças, e também para o público geral. Esta estratégia foi planejada para que as pessoas possam cuidar da saúde”, sintetizou Coelho.

A subsecretária de Gestão da Saúde, Aldeniza Araújo, que percorreu as unidades de saúde para acompanhar os atendimentos,  ressaltou que a ação só terá sucesso com a adesão da população e por isso convidou os manauaras para comparecerem aos pontos de atenção, que funcionarão em todas as zonas geográficas de Manaus até o final do mês.

“Esta estratégia só terá um bom resultado com a adesão de todos. Contamos com o apoio da população. As UBSs aguardarão todos no próximo sábado, de braços abertos. Nosso pedido é reforçado para os pais e responsáveis, que precisam trazer suas crianças  para atualizar o calendário vacinal e evitar que elas fiquem vulneráveis”, disse.

A mega ação, que contempla mais três edições a serem realizadas nos próximos dias 13, 20 e 27 deste mês, tem a proposta de alcançar 43 mil pessoas que estão em atraso com um ou mais itens do acompanhamento de saúde, segundo levantamento da Semsa.

— — —

Texto –  Tânia Brandão/Semsa

Fotos – Antonio Pereira / Semcom

Deixe uma resposta