Sob comando de Michelle Bolsonaro e Taiana Lima , ‘Mulheres pelo Brasil’ reúne cinco mil pessoas em Manaus

Cerca de cinco mil mulheres que apoiam a reeleição do presidente Jair Bolsonaro e do governador do Amazonas, Wilson Lima, lotaram o Dulcilas Festas e Centro de Convenções, hoje (11/10) em Manaus, para participar do evento “Mulheres pelo Brasil”.

A programação, coordenada pela primeira-dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, ao lado da primeira-dama do Amazonas, Taiana Lima, reforçou bandeiras voltadas à família e à liberdade.

No encontro, Taiana Lima destacou as ações do governo Wilson Lima voltadas às mulheres. “Desde o início da gestão o governador Wilson Lima tem trabalhado fortemente pelas mulheres. Ele criou o Auxílio Estadual permanente e 90% das pessoas que recebem esse auxílio são mulheres, as mães de família. Esse olhar carinhoso pelas mulheres sempre existiu desde o início do nosso governo”, disse, ao reforçar que, no dia 30, o voto é 44 Wilson Lima para o trabalho continuar.

Michelle Bolsonaro falou da emoção de estar no Amazonas ao lado de mulheres guerreiras e trabalhadoras que lutam por um país melhor. “É muito bom estar aqui reunida com vocês. É pelas nossas crianças, é pelas nossas famílias, é pela nossa liberdade de expressão, pela nossa liberdade religiosa. Meus amados, vamos multiplicar os votos. Dia 30, é 22 para podermos dar continuidade a tudo que está sendo feito para os avanços da nossa nação”, ressaltou Michelle.

O evento contou com a presença de parlamentares e apoiadoras, como a senadora eleita Damares Alves e a deputada federal Bia kicis, as duas eleitas pelo Distrito Federal, além de líderes religiosas e políticas do Amazonas.

A assistente social Ane dos Santos, 40, estava no meio da multidão e afirmou que a parceria entre o governador do Amazonas e o presidente do Brasil é fundamental para o desenvolvimento da nação. “Eu acredito que se todo mundo que estiver junto, em todo o Brasil, for junto com o presidente, o Brasil vai fluir e tudo vai se coligar e vai dar certo. Não só um estado, mas como todo o país. A união faz a força”, ressaltou Ane.

Fotos: Alex Pazuello

Deixe uma resposta